10 razões pelas quais você tem um cachorro chorão

John Coutts Blocked Unblock Seguir Seguindo 9 de janeiro

Por que cachorros choramingam? Existem muitas razões possíveis e um cão chorão nem sempre indica que o animal está com dor ou desconforto. Por exemplo, os filhotes choram muito mais que os cachorros adultos como regra. Muitas vezes os filhotes procuram atenção ou comida, ou ambos.

Os cães se comunicam de muitas maneiras diferentes. O meio mais comum de comunicação para um cão é a linguagem corporal. O próximo meio mais comum é o latido. O choro é provavelmente o terceiro meio mais comum de comunicação, e seu cão pode reclamar por vários motivos. Aqui estão 10 razões pelas quais você tem um cachorro chorão.

1 – Ela está com dor ou algum tipo de sofrimento físico

Se você suspeitar que seu cão está com dor, mas não há ferimentos evidentes, procure outras razões menos óbvias. Se o seu cão não estiver mais no auge da juventude, observe atentamente enquanto ela tenta pular no sofá ou tenta subir as escadas. Se esse tipo de atividade faz seu cão gemer, então ela pode ter artrite.

A artrite causa dor nas articulações e geralmente é mais comum em cães idosos. Ela pode ficar bem quando está sentada ou deitada em um ponto, mas quando ela tem que se esforçar, especialmente quando tenta pular, seu cão pode sentir dor aguda nas articulações e seu cão pode choramingar como resultado.

Se ela não parece ter artrite e nenhum ferimento óbvio, então verifique sua respiração. Sua respiração está funcionando? Há um som de chiado? Se assim for, você provavelmente deve consultar o seu veterinário.

Seu cachorro está comendo normalmente? Um dos primeiros sinais de doença pode ser a falta de interesse pela comida. Uma outra coisa a procurar, e sei que não é muito agradável, é alguma mudança óbvia em seu cocô.

Ela tem dificuldade em fazer o seu banheiro? É muito solto ou muito duro? Ela choraminga enquanto faz isso? As respostas a essas perguntas podem fornecer a resposta certa, ou pelo menos uma resposta que você pode dar ao seu veterinário.

2 – Ela está animada ou entediada

Deve ser bastante óbvio se o seu cão está choramingando por excitação ou tédio. Um cão excitado geralmente está saltando ou pulando. Ela quer que algo bom aconteça, e ela quer agora!

Se um cachorro está entediado, ele pode lamentar, porque não pode suportar coisas boas que não estão acontecendo, e quer que algo – qualquer coisa – aconteça. Um cachorro entediado geralmente fica apático com as orelhas caídas, e ela também pode ter o rabo entre as pernas.

É mais provável que seu cão lamente por excitação do que por tédio. Geralmente é óbvio também. Ela pode lamentar-se quando você pega a coleira em preparação para dar um passeio. A choradeira é sua antecipação das coisas boas que estão por vir.

Um cão chorão também pode ser o resultado de ela ver algo pela janela. Se ela tem o hábito de observar o que está acontecendo lá fora, observe-a para ver o que a faz gemer. Você pode mudar esse hábito, impedindo-a de ver o gatilho.

Se você achar que ela choramingar de excitação ao pensar em dar uma volta é irritante, então não deixe que ela veja você pegar a coleira. Em seguida, leve-a para fora segurando o colarinho e prenda a coleira quando estiver a alguma distância de sua casa.

3 – Ela está te alertando para algo que ela acha importante

Cães às vezes podem usar choramingar como um meio de alertá-lo para uma situação particular. Muitas vezes eles preferem latir como um meio de alertá-lo, mas às vezes pode ser um gemido ansioso.

Se ela se tornar um cachorro chorão no meio da noite, pode ser porque ela detectou um ladrão. Ou poderia ser porque ela ouviu um pedaço de papel usado passar. Ela provavelmente irá tratar cada incidente com igual importância, o que significa que você terá que investigar cada vez para ter certeza de que tudo está bem.

Se você tiver bastante certeza de que seu cão se queixará apenas para alertá-lo, então você pode facilmente acabar com o hábito. Quando ela choramingar, chame-a e dê-lhe um presente. Em pouco tempo, ela provavelmente vai lamentar algumas vezes em algo que chamou sua atenção, então ela irá para você esperando um deleite. Não a desaponte, e em pouco tempo ela choramingar pode parar.

4 – Ela está estressada de alguma forma, ou com medo de algo

Quando um cão está estressado ou ansioso, ou tem medo de alguma coisa, ele frequentemente se lamentará. Isso geralmente é acompanhado por um tipo específico de linguagem corporal conhecido como gestos de apaziguamento. Isto significa simplesmente que o cão irá desviar os olhos, lamber os lábios ou bocejar. Ela pode choramingar e bocejar ao mesmo tempo.

Seu cão está simplesmente dizendo a você e a qualquer outra pessoa que ela não é uma ameaça. Ela também está tentando se acalmar. Pode haver outras indicações visuais de seu medo, como uma cauda fechada, achatamento das orelhas ou uma postura encolhida.

Se você perceber que seu cão exibe algum desses sinais, tente tranquilizá-la gentilmente. Dê-lhe um tratamento, fale suavemente com ela de uma maneira tranquila e gentil. Se você puder descobrir o que está causando o estresse ou provocando medo, tente remover ou negar a causa.

5 – Ela está buscando atenção

Esta é uma razão comum pela qual você tem um cão chorão. Cães são muito parecidos com crianças de várias maneiras. Quando ninguém lhes dá a atenção que sentem que merecem, muitas vezes choramingam ou gritam até conseguirem o que querem.

Seu cão também vai usar a atenção procurando choramingar quando fica com ciúmes. Você pode estar conversando com outra pessoa por muito tempo, pelo menos na mente do seu cão, ou você pode estar fazendo alguma tarefa que não a envolva. Se a atenção não estiver nela, ela pode se lamentar na tentativa de chamar sua atenção.

Este tipo de choramingar só continuará se você ceder a ele. Seu cão deve aprender que ela nem sempre é o centro das atenções. Ignore-a enquanto ela está choramingando, e se ela parar, dê-lhe alguma atenção.

6 – Ela está precisando ou querendo algo

Seu cão vai aprender rapidamente que você pode fazer coisas que ela não pode. Se seu brinquedo favorito ficar preso em algum lugar, e ela não conseguir soltá-lo, ela pode reclamar para ajudá-la. Normalmente, ela estará perto do problema, por isso muitas vezes pode ser óbvio o que ela quer que você faça.

Outras necessidades ou desejos podem ser menos óbvios, como a vontade de dar uma volta ou querer que lhe dê água ou comida. Ela choramingar deve parar uma vez que você conserte o problema.

7 – Ela sente muito por algo que ela fez

Se você repreender o seu cão por algo que fez de errado, mastigar os sapatos, vasculhar o cesto de lixo, latir demais, por exemplo, ela pode começar a choramingar de uma maneira submissa, reconhecendo que você é o 'cão superior' e pedindo perdão.

Esse tipo de comportamento é um retrocesso para sua ancestralidade lupina. Quando um lobo quebra as regras do bando, ele pode ser evitado pelos outros. Ele então precisa ser aceito de volta ao grupo, de modo que ele ponha o rabo entre as pernas, curve a cabeça em um gesto submisso e implore por perdão. Pode também lamentar um pouco.

Se a razão pela qual você tem um cachorro choramingão é porque ela está pedindo desculpas, então você deve reconhecer o pedido de desculpas, mas imediatamente se afastar dela. Ela vai entender que ela foi autorizada a voltar para o 'pacote', mas também que você não está satisfeito com ela quebrar as regras do 'pacote'.

8 – Ela pode ter alguma forma de doença mental

Cães podem sofrer de doença mental, assim como os humanos podem. Seu cachorro pode ter depressão. Este não é um caso de apenas sentir-se triste, pois a depressão é muito mais séria do que isso. Depressão em um cão não é fácil, mesmo para um especialista em comportamento animal treinado, para diagnosticar.

Se seu cão dorme muito mais do que deveria, exibe lambidas excessivas, demonstra pouco interesse em comer, demonstra pouco interesse pelas coisas que costumava gostar e, é claro, lamenta, então uma doença mental, como a depressão, pode causa.

9 – Ela pode estar sofrendo de TEPT

Transtorno de Estresse Pós-Traumático é algo que tendemos a associar com os gostos de veteranos de guerra, mas o seu cão pode sofrer com isso também. Se o seu cão veio de um centro de resgate, por exemplo, ela pode ter sofrido abuso em algum momento. Lamentar-se por causa do TEPT é simplesmente lembrar, ou reviver, o estresse desse abuso.

O TEPT pode resultar de um acidente ou de algum desastre natural e não precisa ser maltratado por outra pessoa. O resultado será o mesmo, no entanto, e choramingar pode ser sua maneira de lidar.

Cães com TEPT também podem exibir outros sinais, como latidos excessivos, sempre em alerta, com medo fácil, o hábito de se esconder em algum lugar ou tremer ou tremer ocasionalmente. Cães com esta condição precisam de muita tranquilidade e amor. Eles podem nunca se recuperar totalmente, mas amor e gentileza, confiança e muita paciência e atenção definitivamente ajudarão.

10- Ela pode ter demência

Seu cão pode desenvolver demência, assim como os humanos podem. É improvável que esse seja o caso de um cão jovem, mas quando seu animal de estimação entrar em sua idade avançada, considere a demência como uma possível causa de sua lamentação.

É provável que ela exiba sinais de desorientação se ela tiver demência. Sua memória sofrerá e as pessoas que ela reconheceu imediatamente podem se tornar estranhas para ela. Ela também pode sofrer de ansiedade e depressão e começar a andar muito. Um cão com demência pode ser difícil de cuidar, mas este é um momento em que ela precisa de você mais do que nunca.

Bônus – as 10 raças mais propensas a lamentar

Não existe uma regra rígida e rápida sobre qual raça de cachorro será mais provável que lamente muito, mas essa lista é um bom guia. Tenha em mente que os cães pequenos tendem a choramingar mais do que os cães maiores.

  1. Husky
  2. Chihuahua
  3. Yorkshire Terrier (Yorkie)
  4. Foxhound
  5. Malamute do Alasca
  6. Schnauzer Miniatura
  7. Caniche De Brinquedo
  8. Dachshund
  9. Pastor alemão
  10. Pomerânia

Originalmente publicado em www.doggieniche.com em 9 de janeiro de 2019.