7 etapas que ajudarão você a criar um plano de desenvolvimento de negócios bem-sucedido

Nicolas Bélisle 26 de novembro https://pixabay.com/en/users/geralt-9301/

Deixe-me começar afirmando o óbvio: você precisa ter uma estratégia de desenvolvimento de negócios para alcançar seus objetivos e expandir seus negócios.

E é isso.

Você vai se surpreender com quantas empresas não têm plano de negócios, mas elas "seguem o fluxo".

Suas histórias são praticamente as mesmas.

Os fundadores iniciaram a empresa com alguns clientes que precisavam de seu produto ou serviço. Então, esses clientes iniciais referiram mais clientes. Então a empresa cresceu. A equipe de gerenciamento contratou mais pessoas para suportar a carga de trabalho e assim por diante.

Mas não há visão de longo prazo.

Não existe uma estratégia de alto nível para alcançar um crescimento sustentável.

Eles não têm um plano de desenvolvimento de negócios. Nenhum marco. Sem orçamento. Nenhuma análise de mercados-alvo. Nenhuma estratégia de marketing.

É como vagar em denso nevoeiro sem uma luz. Uma empresa pode facilmente se perder e cair em uma vala.

Então, eu montei esta pequena lista para ajudar as empresas a criar uma abordagem mais sistemática para o desenvolvimento de negócios.

O que você vai tirar deste artigo:

  • como estruturar seu plano de desenvolvimento de negócios
  • o que você precisa considerar enquanto prepara um
  • como estruturar um processo de vendas bem sucedido

Etapa 1: defina seus objetivos.

O que você quer alcançar? Qual é a sua meta de geração de receita?

Você quer ganhar 1 milhão por ano em receita recorrente? Ou vender 30000 unidades do seu produto?

Se você quiser alcançá-lo, precisa definir uma meta precisa. Caso contrário, será como lutar com um porco engordurado na lama.

Etapa 2: defina seu orçamento.

É outro clichê, mas você precisa de dinheiro para ganhar mais dinheiro.

Olhe para a sua receita bruta, remova os custos fixos, como salários e custos de escritório, e mantenha algo do lado dos dias chuvosos. O que resta deve ser reinvestido em seus esforços de vendas e planejamento de marketing.

Etapa 3: defina seus públicos-alvo e o que eles querem.

Como gosto de dizer, você pode pescar tubarões em um lago, mas provavelmente só vai pegar trutas.

Se você quiser alcançar o seu cliente-alvo, você precisa saber onde encontrá-lo e como apelar para ele / ela.

Você precisa criar tantas pessoas de comprador quanto precisar para lidar com diferentes tipos de aplicativos que seu produto ou serviço possui.

É importante lembrar que o que você oferece é atraente para as pessoas por diferentes razões.

Você precisa encontrá-los todos.

Hubspot criou um guia delicioso, com um modelo, em " Como criar personas detalhadas do comprador para o seu negócio ". Você deveria dar uma olhada.

Etapa 4: defina os canais que você deseja usar.

Depois de definir com quem você quer falar, você precisa escolher os canais, as estratégias e as ferramentas para alcançá-los.

Para a maioria das empresas B2B, a melhor mídia social para usar é o LinkedIn.

Por quê?

Porque 80% das conversões B2B em mídias sociais são feitas no LinkedIn.

O benefício do LinkedIn é que você pode alcançar os tomadores de decisão em empresas grandes e pequenas.

Caso você precise de ajuda para gerar novos leads no LinkedIn, podemos ajudá-lo com isso.

Mas você não pode confiar apenas nisso. Você precisa de outras estratégias para atrair, nutrir e manter seu público-alvo atual.

Uma ótima maneira de fazer isso é marketing de conteúdo. Ter uma estratégia de conteúdo em vigor irá beneficiar grandemente o seu negócio.

De acordo com Neil Patel , o crescimento ano a ano no tráfego exclusivo do site é 7,8 vezes maior para os líderes de marketing de conteúdo em comparação com os seguidores.

Outro canal eficaz a considerar é o bom e velho evento de networking.

Você não pode realmente ignorar isso.

Passo 5: Defina os seus KPIs (Key Performance Indicators) e como você vai monitorar seu ROI (Return on Investment).

Você precisa definir quais são as métricas importantes para sua empresa.

Um óbvio é o número de vendas. Mas outros podem ser o número de conexões em sua rede que você pode cultivar através do seu marketing de conteúdo. Outros podem ser o número de assinantes da sua lista de discussão ou o número de pessoas no seu grupo do Facebook.

Os KPIs variam de empresa para empresa, identificam os seus e implementam um sistema para rastreá-los.

Outro aspecto crucial a ter em mente é o seu ROI.

Isso mostra quão eficazes são suas estratégias atuais e indicará se você está indo na direção certa.

Uma fórmula típica para calcular é: ROI = Lucro Líquido / Custo do Investimento

Relativamente simples, não é?

Com nossos serviços de Vendas Sociais, trazemos para nossos clientes um ROI de 5x a 10x.

Etapa 6: defina seu processo de vendas.

Quando você chega a este ponto, você sabe qual posição seus tomadores de decisão têm, em qual indústria eles trabalham e em qual canal você vai chegar até eles.

E agora?

Agora, você precisa definir uma sequência de etapas de ação que possa ser facilmente replicada.

Perspectivas de terceirização.
É sem dúvida a parte mais chata do trabalho. Você tem que fornecer leads potenciais.

Conectando-se com eles
Você precisa contatá-los com o objetivo de fazer um telefonema exploratório

Faça sua lição de casa
Conheça eles e sua empresa. Mais informações você pode reunir, melhor é. O objetivo é tentar entender de qual ângulo você pode abordar a conversa e identificar quais são os problemas para personalizar o seu discurso. Inteligência é ouro.

Fale com eles
Quando você vai falar com eles, não comece lançando seu produto.
NINGUÉM gosta de receber um pitch padronizado.
A chamada inicial é principalmente sobre eles, não sobre você nem seu produto.

Feche ou solte.
Você tem que entender se você pode ajudá-los. Se o seu serviço não é útil, seja honesto, diga a eles e deixe-os ir.
Tentar ir para uma venda difícil só vai armar você e a reputação da sua empresa.

Mas, se o seu serviço puder agregar valor a eles. Vá em frente.

Se você acha que a prospecção e a parte de conexão são entediantes e gasta muito do seu tempo para poder fazer o que é mais importante para você, feche as vendas, por exemplo, entre em contato conosco. Podemos ajudá-lo com isso. .

Passo 7: Coloque tudo em ação e fique de olho nos resultados.

Agora você está pronto para ir! Você tem tudo o que precisa para criar um Plano de Desenvolvimento de Negócios de Sucesso!

Vá e desfrute de algum crescimento selvagem!

Conclusão

Um plano de desenvolvimento de negócios é a base do seu sucesso futuro.

Você tem que ter em mente, no entanto, que você não deve construir um plano que seja muito rígido. Ser adaptável é uma das qualidades essenciais que você precisará para sobreviver às mudanças sem fim no mercado.

Porque, como Mike Tyson disse, "todo mundo tem um plano até que seja socado na boca".

Que outras etapas você adicionaria para criar um plano de desenvolvimento de negócios bem-sucedido?